Como fazer simulação na calculadora do INSS

Entenda como funcionam os procedimentos para simular a aposentadoria com a calculadora INSS

Caso ainda não saiba, o Instituto Nacional do Seguro Social, mais conhecido como INSS, começou a disponibilizar diversos serviços de forma online, com o objetivo de evitar filas nas agências e deixar a vida dos cidadãos um pouco mais prática.

Tudo isso através da plataforma Meu INSS. Lá tem, até mesmo, uma calculadora do INSS, a qual é responsável por calcular quanto tempo falta para que uma pessoa possa dar entrada na aposentadoria.

Essa ferramenta fornece realmente muito mais praticidade aos contribuintes. Isso porque, além do tempo da aposentadoria, ela também indica quantos pontos é necessário para que uma determinada pessoa consiga se aposentar por tempo de contribuição.

A calculadora do INSS segue uma fórmula conhecida como 85/95, a qual indica que a soma do tempo de contribuição e da idade precisam totalizar 95 pontos para os homens e 85 pontos para as mulheres.

Quer saber mais sobre esse assunto? Então continue acompanhando o artigo até o final. Boa leitura!


Como funciona a calculadora do INSS

Apesar de servir para ajudar as pessoas, é válido ressaltar que a calculadora do INSS serve apenas como uma simulação. Sendo assim, o resultado que ela oferece pode não ser necessariamente o da vida real.

Por exemplo, se o resultado mostrar que já é possível dar entrada na aposentadoria, nada melhor do que entrar em contato com o INSS para confirmar de fato essa informação.

Portanto, ainda é necessário ir até uma agência do INSS dependendo do resultado para confirmar.

É válido lembrar que além da calculadora o portal Meu INSS permite também que as pessoas façam consultas e acompanhem praticamente todas as informações a respeito da sua vida laboral, ou seja, da sua história de trabalho como, por exemplo, períodos trabalhados, diferentes empregadores, contribuições previdenciárias, entre outras.

No entanto, este artigo irá focar apenas na calculadora do INSS mesmo. Aqui você vai aprender como usar essa calculadora para calcular o tempo de contribuição.

Vale lembrar que essa simulação pode ser feita de duas formas diferentes: manualmente ou por meio de um cadastro na plataforma Cidadão.br.

Neste último caso, é necessário informar a data de nascimento, o nome completo, o nome completo da mãe e o CPF.

Quer aprender ao certo como usar a calculadora do INSS? Então acompanhe o passo a passo completo logo abaixo.

Como fazer simulação na calculadora do INSS


Passo a passo para fazer simulação com a calculadora do INSS

Para começar, é necessário escolher se você deseja usar a calculadora do INSS manualmente ou através da plataforma Cidadão.br. Independente da opção escolhida, o que importa é que este artigo consta com o passo a passo de ambas. Então vamos lá!

Usando a calculadora manualmente

Primeiro será explicado como usar a calculadora do INSS de forma manual. Veja os passos:

Passo 1: Acesse o portal

Assim como a maioria dos tutoriais, não dá para começar sem acessar o site, certo? Sendo assim, entre no portal Meu INSS por meio do link a seguir: https://www.inss.gov.br/servicos-do-inss/meu-inss/.

Deixe esse site aberto em seu navegador e prossiga para o próximo passo.

Passo 2: Selecione a opção “simulações”

Dentro do portal, será preciso clicar na opção “simulações”. Ela se encontra no menu, o qual está localizado no canto esquerdo da página. É a penúltima opção da aba de serviços. Clique sobre ela e espere ser redirecionado de forma automática.

Passo 3: Escolha “simulação manual”

Como este primeiro tutorial diz respeito a como usar a calculadora do INSS de forma manual, depois de abrir a página “simulações” é necessário escolher a opção número 2, ou seja, “calcular tempo de contribuição manual”. Para isso, basta clicar sobre o botão amarelo que está aparecendo bem grande na tela.

Passo 4: Preencha sua data de nascimento

Clicou para calcular o tempo de contribuição manualmente? Então a primeira coisa que precisa fazer agora é inserir a sua data de nascimento. Não deixe de dar uma conferida para ver se ela está correta antes de qualquer coisa.

Passo 5: Selecione feminino ou masculino

Após adicionar a data de nascimento, você precisa escolher entre feminino ou masculino no campo “sexo”.

Passo 6: Adicione um vínculo

Na opção adicionar vínculo, é preciso clicar no símbolo “+” e colocar nos campos indicados a data de admissão e a data de saída de cada trabalho que você já teve com carteira assinada. Como é difícil saber isso ao certo, basta pegar sua Carteira de Trabalho e procurar as páginas “contrato de trabalho”.

É necessário fazer isso para cada empresa que já trabalhou, por isso pode levar um tempo. Após concluir o preenchimento, clique em “simular”, no canto inferior direito da página;

Passo 7: Veja o tempo de contribuição

Ao cumprir todos os passos acima, o tempo restante de contribuição irá aparecer automaticamente na tela. Se desejar conferir mais informações a respeito do cálculo que foi feito, é só selecionar a opção “detalhar”.

Feito isso, um documento com todos os dados sobre sua aposentadoria será baixado de forma automática pelo seu navegador. Muito mais simples do que parece, não é mesmo?

Como fazer simulação na calculadora do INSS


Fazendo a simulação com o cadastro Cidadão.br

Caso prefira usar a calculadora do INSS por meio da plataforma Cidadão.br, na etapa 3 do passo a passo anterior é necessário clicar na primeira opção: “simulação automática”. Feito isso, você precisará clicar na opção “entrar”, a qual fica no canto superior direito da tela, e fazer o login a fim de que todos os seus vínculos sejam carregados de forma automática.

A partir do momento em que fizer isso, selecione a aba “cadastre-se” e preencha corretamente todo o formulário com seus dados pessoais. Depois, volte na página inicial do portal Meu INSS e clique novamente na opção “entrar”. Coloque o CPF e a senha cadastrada e confira a calculadora do INSS que irá aparecer na tela.


Faça a sua simulação com a calculadora do INSS agora mesmo

Sendo assim, agora realmente vai ficar muito mais fácil de usar a calculadora do INSS e descobrir como anda o seu tempo de contribuição, não é mesmo?

Lembre-se de seguir todos os passos corretamente que não tem erro, independente da forma que escolher acessar a calculadora do INSS.


Deixe uma resposta