Consulta INSS fácil

Confiras as instruções e veja todas as opções disponíveis para fazer a consulta benefício INSS

Pessoas de todas as idades e lugares do Brasil podem ter direito a receber algum benefício do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS).

Além de aposentadoria, o órgão tem diversos tipos de assistências para os cidadãos, como auxílio-doença, salário-maternidade, auxílio-reclusão, entre outros.

Diante desse cenário, frequentemente o beneficiado pode ter a necessidade de saber o andamento do seu benefício.

Se esse é seu caso, descubra neste artigo como fazer consulta do benefício do INSS.


O que é a consulta do benefício do INSS?

A consulta do benefício do INSS é a forma confiável de os cidadãos saberem o status do seu pedido de benefício perante a previdência social.

Com essa pesquisa, essas pessoas descobrem se a equipe do INSS já recebeu a solicitação de benefício, se ela já foi avaliada e se existe algum entrave.

É normal que as pessoas que estão esperando um benefício da previdência social fiquem apreensivas e queiram ligar constantemente para o INSS, mas nem sempre é possível falar com o órgão.

Ir até o posto de atendimento, dependendo da situação do contribuinte, pode ser mais difícil ainda. Dessa forma, o acompanhamento online do benefício é a melhor opção.


Como fazer consulta de benefício do INSS

A consulta de benefício do INSS é oferecida no sistema eletrônico do órgão, e as pessoas podem fazê-la ilimitadamente.

Inclusive, ela dá autonomia ao cidadão porque ele não depende do funcionário da previdência social para saber o andamento do seu benefício: ele próprio obtém essa resposta.

Veja como você pode fazer consulta do benefício do INSS:

  • Basta acessar aqui;
  • Clicar em “Acompanhar pedido”;
  • No site Meu INSS, que será aberto automaticamente, inserir as informações pedidas;
  • Clicar em “Continuar sem login”.

É fundamental que esse contribuinte, caso não entenda o andamento do seu pedido de benefício, anote-o ou o imprima-o, e que procure um posto da previdência para perguntar do que se trata.

Esse cidadão pode tirar sua dúvida ligando para 135 também, a partir das 7h; nesse telefone é possível também fazer a própria consulta do benefício.

Os cidadãos que não tiverem opção podem ir a uma agência do INSS para consultar o seu benefício, mas essa forma é pouco recomendada porque há muita demora.

Normalmente, os postos de atendimento da previdência social estão sempre cheios e com pessoas que fizeram o seu agendamento anteriormente.

Por isso, atender alguém que não tem agendamento e que quer só saber a situação do benefício nem sempre é possível.


Como consultar o benefício do INSS pelo CPF

  • Acesse a Situação do Benefício em Revisão usando este link;
  • Clique em “Consulta benefício”;
  • Informe a data de nascimento, o número do benefício, o CPF e o nome de quem recebe o benefício;
  • Coloque o código de segurança;
  • Clique em “Visualizar”.

Como consultar a situação de benefício pelo telefone do INSS

O telefone oficial do INSS, como já mencionado, é o 135. Para ter informação a respeito de concessão e revisão de benefício, será solicitado:

  • Número do benefício ou do pedido de benefício;
  • CPF;
  • Nome da mãe;
  • Data de nascimento;
  • Nome completo.

Consulta do benefício do INSS com advogado

Muitas pessoas recorrem a advogados quando desejam benefícios do INSS.

Nesse caso, é comum que o próprio advogado faça a consulta mencionada: inclusive, há casos de pessoas que nem sabiam que a sua aposentadoria foi concedida, por exemplo, recebendo a notícia do advogado.

Apesar da assistência desse profissional, indica-se que o próprio indivíduo também faça a consulta do benefício do INSS periodicamente.

Inclusive, fazendo ele mesmo essa consulta, é possível abordar o seu advogado para pedir explicação sobre a resposta apresentada.


Como fazer consulta do benefício do INSS por procuração

Algumas pessoas precisam de ajuda de um procurador legal para pedir o benefício e até para fazer a consulta deste: muitas vezes, são indivíduos com limitações mentais, que são analfabetas, entre outras condições.

O procurador pode consultar o resultado online sem qualquer problema, fazendo o mesmo pelo telefone.

Para requisitar informações presencialmente, porém, precisará dos seus documentos, dos documentos do cidadão e da procuração.


Como consultar o andamento do recurso do INSS

A previdência social possui um site para as pessoas acompanharem o andamento do recurso do INSS. Veja o passo a passo:

  • Clique aqui para ir ao site oficial  para consulta de processos;
  • Faça o o login informando o CPF e a senha;
  • Insira o número do benefício ou o protocolo;
  • Clique em “Consultar”

O contribuinte que está solicitando a revisão de um benefício que já recebe deve procurar o número desse benefício na sua Carta de Concessão.

Com relação ao protocolo, trata-se daquele fornecido pelo INSS quando o contribuinte pede uma revisão; sendo assim, é essencial que a pessoa não deixe de anotar o número.

Também é possível consultar o andamento do recurso do INSS ligando para o número 135, entre as 7h e as 22h.


Como fazer a consulta do pagamento do INSS

O INSS extrato pagamento é concedido de graça pela previdência social: primeiro, o beneficiário faz a consulta a partir dos seus dados e, depois, imprime a relação dos pagamentos.

Ressalta-se que os contribuintes podem fazer a emissão do INSS extrato pagamento quando precisar e que esse documento ajuda até mesmo na hora de contestar a previdência social.

Por exemplo: se o cidadão deveria receber R$ 1.670,00 como benefício e está recebendo apenas R$ 1.600,00, é possível usar o INSS extrato pagamento a fim de mostrar isso ao INSS. Se você precisa consultar o seu extrato:

  • Clique aqui para abrir o Meu INSS;
  • Selecione “Extrato de pagamento de benefício”, no lado esquerdo;
  • Clique em “Fazer login”;
  • A próxima página aberta será do Gov.br e você deverá clicar em “Crie sua conta”;
  • Siga as orientações fornecidas em seguida.

O INSS extrato pagamento é emitido do mesmo modo tanto pelo site como pelo aplicativo.

Contudo, o contribuinte deve prestar atenção ao tipo de extrato que solicita: é preciso ser especificamente o extrato de pagamento de benefício e não o extrato previdenciário.

Algumas pessoas confundem os dois extratos, mas eles são formados por meio de dados diferentes.

O extrato previdenciário ou CNIS reúne somente as contribuições feitas pelo cidadão ao INSS e é uma excelente ferramenta para quem está em vias de solicitar a sua aposentadoria.


O que fazer se o benefício do INSS indeferido?

Na consulta do benefício do INSS, o contribuinte pode ter um resultado desagradável, que é “indeferido”.

Nesse caso, a previdência social terá analisado a solicitação e os documentos apresentados, chegando à conclusão de que a pessoa não tem direito à assistência.

Apesar de ser uma situação decepcionante, o contribuinte deve saber que pode recorrer.

Para fazer isso, ele tem de entrar em contato com a Junta de Recursos, que refará a análise; em último caso, é possível pedir a reanálise também da Câmara de Julgamentos.

O cidadão que tem o benefício indeferido precisa ficar atento à razão desse resultado, já que ele será fundamental na hora de interpor recurso.

Se o benefício pedido era de auxílio reclusão, por exemplo, deve-se procurar por mais comprovantes de que a pessoa presa contribuía com a previdência antes do ocorrido.

É bastante comum que os cidadãos peçam benefícios como auxílio doença e ele seja negado, isso por duas razões:

  • A previdência social pode entender que aquela pessoa não está impossibilitada de trabalhar, ainda que tenha dificuldades;
  • A própria pessoa não forneceu comprovantes suficientes

Nas duas situações, pedir uma atualização dos documentos ao médico é uma boa opção. Solicitar que ele faça um novo laudo e investir em exames pode ajudar a comprovar ao INSS a incapacidade momentânea ou definitiva.


Deixe uma resposta